Bom demais para ser verdade: os perigos dos aplicativos gratuitos

Os riscos do software livre e aplicativos


Perigos do Software Livre e Aplicativos

A ascensão do software livre

O software livre ganhou destaque com o surgimento da Internet, quando indivíduos e empresas perceberam que havia lacunas nas necessidades das pessoas. Várias empresas estavam dispostas a participar de batalhas proprietárias por programas que rapidamente se tornaram essenciais para a vida cotidiana e para os negócios..

As empresas que desenvolvem software livre geram lucro graças aos usuários. Permita-me explicar. Como os desenvolvedores não cobram nada por seus programas, eles recorrem a coleta e compartilhamento de dados fazer dinheiro. Em outras palavras, depois de instalar este software no seu dispositivo, ele será monitore sua atividade online e venda para terceiros. Essas partes, que geralmente são empresas de propaganda, usam essas informações para exibir anúncios personalizados quando você usa a internet.

A maioria das pessoas não lê o “Termos do acordo”Ou páginas de licenciamento antes de instalarem esses programas. Como resultado, muitos usuários se tornam vulneráveis ​​a invasões de privacidade pela empresa desenvolvedora de software.

Como esses aplicativos podem gravar seus dados? Com “biscoitos,”E os deliciosos que sua avó costumava fazer.

Cookies são pacotes de dados que os servidores da Internet enviam aos navegadores quando os usuários frequentemente retornam a determinadas páginas. Navegadores e sites da Web os usam para rastrear e reunir suas informações de atividade on-line e venda-as a outras empresas. Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest, e aplicativos similares fazem a mesma coisa.

Por que as empresas coletam essas informações?

Os tipos de informações que o software e os aplicativos roubam dos dispositivos variam, mas tendem a incluir elementos semelhantes. Navegadores da Web e outros sites gostam de rastrear pessoas hábitos e interesses de compras. Depois eles compartilhar essas informações com outras empresas para mostrar anúncios relacionados que podem ser interessantes para você.

Simplificando, todos pretendem ganhar dinheiro. Se o aplicativo puder exibir anúncios que fazem você querer comprar algo, as empresas obterão lucro. No entanto, dados mais sensíveis podem ser comprometidos. Esta informação inclui o seu nome completo, idade, local, endereço e local de trabalho.

Isso não vai parecer muito importante para alguns, mas deveria. As empresas de software podem descobrir muito sobre você através desses programas. Eles também podem compartilhe seus dados com outras partes. O Facebook é talvez o maior criminoso, mas outros como o Google também são grandes compradores e vendedores de dados. 

Os profissionais do uso de software livre

Apesar de tudo o que mencionei até agora, o software livre ainda oferece bastante vantagens. Afinal, essas aplicações são necessárias para ter uma vida social, pessoal e profissional em funcionamento. Lembre-se de que esses profissionais não se aplicam a todos os softwares livres. 

  • Disponível sem custo: A maioria dos softwares e aplicativos, como o Microsoft Office básico, exige um pagamento inicial ou taxas frequentes. Outros, no entanto, não custam um centavo. 
  • Mais liberdade: Quando os computadores e a Internet entraram em cena, as empresas incentivaram o desenvolvimento e a experimentação individual porque a Web não era considerada propriedade privada. Atualmente, os desenvolvedores de software e aplicativos tornam ilegal o desenvolvimento e a experimentação.
  • Auditabilidade: Programas de código aberto permitem que qualquer pessoa leia e modifique o código-fonte. Isso significa que usuários experientes em tecnologia podem verificar desenvolvimentos estranhos ou aspectos não revelados. Mas e aqueles que não entendem codificação e programação? Bem, existem empresas de segurança independentes, desenvolvedores e especialistas que inspecionam regularmente o código-fonte aberto quanto a bugs e falhas de segurança.

Os contras do uso de software livre

O software livre geralmente vem com muitos problemas. Aconselho especialmente a evitar programas gratuitos encarregados de proteger sua privacidade e segurança on-line, como antivírus. Isso porque a maioria deles é ineficiente e não pode bloquear nenhum ataque potencial.

Esses problemas incluem:

  • Malwares ocultos: É fácil para os desenvolvedores ocultar software malicioso em aplicativos gratuitos, pois os usuários fazem o download diretamente em seus dispositivos. Esse malware pode invadir seu telefone ou PC e roubar dados confidenciais, como logins e senhas bancárias.
  • Falta de suporte e documentação: Ao usar o software livre, os criadores não divulgam suas anotações sobre o desenvolvimento do programa. Como resultado, as pessoas não podem acessar o código fonte para ver quaisquer alterações ou informações importantes.
  • Perda de interesse: Um grande problema com os programas gratuitos é que os desenvolvedores às vezes param de melhorar ou atualizá-los. 

Quais são os softwares e aplicativos gratuitos mais populares?

Existem diferentes versões de software e aplicativos gratuitos que as pessoas usam o tempo todo em seus dispositivos. Eles incluem navegadores da web, software antivírus, e aplicativos de chamada de vídeo como o Skype. Às vezes, os indivíduos nem percebem que os itens que estão usando são qualificados como software e aplicativos gratuitos, geralmente porque não estão familiarizados com a definição.

Como muitos programas agora estão embutidos em nossos dispositivos, pode ser um pouco confuso determinar quais se enquadram na categoria “livre” categoria. Portanto, criei a seguinte lista dos serviços gratuitos mais populares que você pode encontrar no seu dispositivo. Mas lembre-se de que alguns desses programas podem ser bastante perigosos, especialmente se o seu dispositivo não tiver proteção adequada.

  • Google Chrome
  • Skype
  • Raposa de fogo
  • Avast Free Antivirus
  • BitTorrent
  • Adblockers
  • Facebook, Facebook Messenger
  • Google Maps
  • Twitter
  • Instagram
  • Whatsapp
  • AccuWeather
  • Zynga games
  • SnapChat
  • Aplicativos lanterna
  • Pokémon Go
  • Youtube
  • Aves com raiva

Aconselho o uso de alguns desses aplicativos porque eles facilitam a ilegal download de materiais com direitos autorais, especialmente BitTorrent. Os indivíduos que usam esses programas frequentemente se tornam alvo de vírus, hackers e malware. 

Mas por favor note que BitTorrent não é contra a lei se você o usar para compartilhar arquivos legalmente. No entanto, se você baixar direitos autorais, estará caminhando em uma linha fina.

Aplicativos móveis gratuitos perigosos

Você pode encontrar centenas de aplicativos móveis gratuitos na loja de aplicativos do seu dispositivo. E apesar Loja de aplicativos do Google e App Store da Apple constantemente verificando cada aplicativo quanto a riscos de segurança, isso não significa que todos os programas são seguros. Google e Apple não inspecione os anúncios para qualquer malware em potencial. Isso significa que os anúncios podem direcioná-lo para sites prejudiciais ou até conter vírus.

Além disso, alguns aplicativos gratuitos que você instala no telefone invadem muito a sua privacidade e incluem os mais populares, como aplicativos de mídia social (Facebook, WhatsApp, Instagram, Twitter, SnapChat…)

Esses aplicativos, que são bastante populares e essenciais entre os usuários, exigem acesso à maioria dos dados de nosso telefone. Isso inclui local, galeria, lista de contatos, câmera, microfone, textos, registros de chamadas e armazenamento.

Portanto, cabe a você garantir que o aplicativo que você deseja instalar seja seguro. Você pode começar pesquisando um pouco sobre o aplicativo ou até mesmo ler as opiniões dos usuários. Além disso, atenha-se à loja oficial de aplicativos do seu dispositivo e nunca recorra a terceiros para fazer o download de aplicativos. E certifique-se de ler a lista de permissões. Afinal, por que um aplicativo de lanterna exigiria sua localização?

Você também pode gerenciar o acesso que cada aplicativo tem ao seu telefone.

Para usuários do Android:

  1. Aberto ‘Definições.’
  2. Bater ‘Apps‘Ou‘Gerente de aplicação.’
  3. Toque no aplicativo que você deseja modificar.
  4. Agora, pressione ‘Permissões.’
  5. Desative qualquer acesso que você achar invasivo.

Para usuários do iOS: 

  1. Clique em ‘Definições.’
  2. Vamos para ‘Privacidade.’
  3. Você verá um lista de permissões que aplicativos podem acessar.
  4. Clique em cada um para ver qual aplicativo pode acessar o que.
  5. Desative qualquer acesso desejado desobstruindo a permissão.

Mas observe que proibir muitas permissões pode afetar o desempenho geral de certos aplicativos e impedi-los de funcionar corretamente. Por exemplo, o Instagram deve ter acesso à sua galeria se você quiser postar uma foto usando a plataforma de mídia social.

Conclusão

Vale a pena o software livre? Isso depende totalmente de você. Se você estiver disposto a lidar com os muitos riscos que o acompanham, talvez deva tentar. Mas lembre-se de que, embora você não precise esticar a mão para conseguir uma, o custo pode ser muito maior. Portanto, antes de baixar qualquer programa, dê uma boa olhada no “Termos do acordo,” assim como o Programas acessível. Evite também baixar qualquer aplicativo que incentive uso ilegal, como transmitir produtos proprietários.

Você prefere software gratuito ou pago? Diga-nos o que você pensa na seção de comentários abaixo.

Kim Martin Administrator
Sorry! The Author has not filled his profile.
follow me
    Like this post? Please share to your friends:
    Adblock
    detector
    map